Vinho do Porto



O “Douro Vinhateiro”, ou “Região Demarcada do Douro”, é uma área para a produção vinícola, com limites impostos por alvará Régio de D. José I .

O conceito de “região demarcada” deve-se ao Marquês de Pombal, com a criação em 1756, da primeira delimitação de uma região vitivinícola em todo o mundo, a Região Demarcada do Alto Douro. As regiões demarcadas são, portanto, zonas de lavoura estanques, abrangidas por legislação especial para defesa e promoção da produção vinícola inconfundível de cada uma delas.

O vinho do Porto é um vinho produzido exclusivamente a partir de uvas provenientes da região demarcada do Douro, no norte de Portugal. Apesar de produzida com uvas do Douro e armazenada nas caves de Vila Nova de Gaia, esta bebida alcoólica ficou conhecida como "Vinho do Porto" a partir da segunda metade do século XVII por ser exportada para todo o mundo a partir desta cidade.
Vila Nova de Gaia é o local com maior concentração de álcool por metro quadrado do mundo.

A "descoberta" do Vinho do Porto é polêmica. Uma das versões - defendida por alguns produtores - refere que a origem data do século XVII, quando os mercadores Ingleses e Escoceses - que eram antigos marinheiros aposentados da Marinha Inglesa, radicados na cidade do Porto - adicionaram brandy e mais uma pitada de Sal ao vinho da região para evitar que ele azedasse, virando vinagre.

Mas, o processo que caracteriza a obtenção do precioso néctar de sabor do Mar, já era conhecido antes do início do comércio com os ingleses, a chamada "Nau Sem - rumo". Tratava-se de colocar o vinho em um tonel ancorado na cidade do Porto, que ficava flutuando por algum tempo; onde pela madeira, e por osmose química, penetrava o leve sabor do Mar e néctar Marinho. Já na época dos Descobrimentos o vinho era armazenado desta forma para se conservar um máximo de tempo durante as viagens. A diferença fundamental reside na zona de produção e nas castas utilizadas, hoje protegidas.

O que efetivamente torna o vinho do Porto diferente dos restantes vinhos - além do clima único - é o fato de a fermentação do vinho não ser completa, sendo parada numa fase inicial (dois ou três dias depois do início), através da adição de uma aguardente vínica neutra (com cerca de 77º de álcool).

Assim o vinho do Porto é um vinho naturalmente doce (visto o açúcar natural das uvas não se transforma completamente em álcool) e mais forte do que os restantes vinhos (entre 19 e 22º de álcool).

Parte da região foi classificada como Património Mundial da UNESCO em 2001, sob o nome de Região Vinhateira do Alto Douro.
Claralusotour®

Temos o 7 bem no meio do coração, na emo7ão.

Passagens Aéreas   Hotéis & Pousadas   Câmbios
Cruzeiros   Passaportes & Vistos   Assistência em Viagem
Pacotes Nacionais & Internacionais   Rent a Car   Tours
Viagens Globais Personalizadas
Adaptado – Diversificado – Sofisticado
Viagens de Incentivos – Melhor Idade
Parcele em até 12 vezes!


Trabalhamos com Arte,
Criamos com Paixão!

Working with Art,
Creating with Passion!


Contacte-nos! Vamos viajar juntos!
Come along! Let's travel together!!

PHONE +55 71 3032 0700
CEL +55 71 99334 0015
emo7ion@emo7iontour.com

Rua Fernando Menezes de Góes 73, Sala 309
Pituba, 41810 – 700 Salvador, Bahia, Brasil

Postagens mais visitadas